Arte em carcaças de crânios de animais por Jason Borders

sku1

sku2

sku13

Os crânios fazem e fizeram parte da história da humanidade em seus mais diferentes contextos e significados, seja por povos milenares ou atualmente como ornamento: eles já representaram a escuridão, o poder, fizeram parte simbólica de rituais e também marcaram sua presença dentro da história da arte. Jason Borders, um talentoso artista, utiliza desse artefato para dar-lhes uma re-significação, atribuindo a eles um visual atraente e vigoroso. Sua arte consiste em esculpi-los e modela-los ao modo que possa dar um novo sentido a sua arte de acordo com sua percepção, munido de uma técnica minuciosa chamada de “dremel”, o artista desenha detalhados traços e padrões num resultado que faz remeter à técnica hindu de pinturas corporais e também à devoção da Fiesta de los Muertos no México. Apesar das referências, Borders consegue manter a singularidade de sua obra intrigando pela perfeição e beleza, controverso à todo histórico dessa peça.

sku3

sku4

sku5

sku6

sku7

sku8

sku9

sku10

sku11

sku12

sku14

Para ver mais do trabalho do artista, visite sua página aqui.

Share Button
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

LNUS

Felipe Pedroso, é historiador, curador, pós-graduado em História, Arte e Cultura e especialista em Museografia e Patrimônio Cultural, dentre seus trabalhos, foi colunista web da Revista Trip e TPM e atualmente coordena o núcleo cultural do maior museu histórico a céu aberto do Brasil.

Comments on Facebook