O feminino e o surreal na obra de Oleg Oprisco

Oleg-Oprisco-1-650x650

Oleg-Oprisco-10-650x650

Em uma mistura surpreendente de delicadeza e surrealidade, o trabalho do ucraniano Oleg Oprisco encanta. Com apenas 23 anos, o fotógrafo, que iniciou sua carreira aos 16 em uma pequena cidade chamada Lvov, no oeste da Ucrânia, cria um mundo fantástico, onde o absurdo e o irreal resvalam na beleza sutil e feminina. Munido de suas câmeras de médio formato, Oprisco busca incessantemente pelo novo em cada foto. Em uma combinação irrepreensível de luz, cor e ambiente, a composição fotográfica do artista é inspiradora.

Oleg-Oprisco-16-650x650

Segundo ele, cada uma de suas fotografias é uma cena da vida real e o cotidiano é sua principal fonte de inspiração. De assistente de laboratório fotográfico a fotógrafo e de fotógrafo a artista, Oprisco segue ao pé da letra (para nosso deleite) seu próprio conselho: “Atire, atire e atire… e atire um pouco mais”.

Oleg-Oprisco-21-650x650

0x550

0x550 (1)

0x550 (2)

0x550 (3)

0x550 (4)

0x550 (5)

0x550 (6)

© Oleg Oprisco

Texto Rafaela Pietro

Para conhecer mais do artista, acesse.

Share Button
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

LNUS

Felipe Pedroso, é historiador, curador, pós-graduado em História, Arte e Cultura e especialista em Museografia e Patrimônio Cultural, dentre seus trabalhos, foi colunista web da Revista Trip e TPM e atualmente coordena o núcleo cultural do maior museu histórico a céu aberto do Brasil.

Comments on Facebook