O punk tropical das chicas do Kumbia Queers

kq1

A emergência de um discurso político e de empoderamento na cena cultural não é algo realmente recente, o próprio queer aparece nos mais diversos segmentos musicais como uma alternativa ao questionamento e a visibilidade, nomes como Le1f, SSION, Hunx and His Punx, THEESatisfaction, vem se destacando no gênero e abrindo caminho para outros projetos, um deles é o Kumbia Queers, um grupo musical composto por seis chicas entre argentinas e uma mexicana. O projeto se iniciou em Buenos Aires em 2007, onde a princípio suas participantes tocavam covers de Madonna, Ramones e Black Sabbath, parodiando-os para o ritmo de cumbia, com letras cheias de queerzismos e muito humor. Elas possuem quatro discos lançados, desde então, Kumbia Nena de 2007, La Gran Estafa del Tropipunk (2010), Pecados Tropicales (2012) e o recém lançado Canta y no Llores.

kq2

A mescla entre o ritmo de cumbia e o punk juntamente com muito groovy não poderia estar mais afinada, e faz qualquer um dançar desde o primeiro instante de audição. ¡Que lo disfruten!

¡que lo disfruten!

Share Button
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

LNDR

Leandro Medeira - 30 anos, Cidade do México, Designer gráfico que adora cozinhar, mesmo sem saber. Que ama viajar e conhecer novas culturas. Apaixonado por todos os tipos de museus, por gim e manjericão.

Comments on Facebook