O balé de corpos contorcidos na fotografia de Evelyn Bencicova

eb1

eb2

Um balé de corpos nus, fotografias conceituais que prestam homenagem à arte clássica, mas também podem ser entendidas como um reflexo da condição humana no melhor da fotografia contemporânea. Ecce Homo, nome do projeto da artista e fotógrafa de Berlim, Evelyn Bencicova, retrata motivos artísticos comuns com origens bíblicas a fim de incluir representações de violência e guerra em sua narrativa envolta em mistério, submetendo o espectador ao questionamento sobre o que realmente aconteceu com esses corpos contorcidos.

eb3
Continue Reading

Os crânios esculpidos de Gregory Raymond Halili

cv1

Acredite, esses belos crânios no estilo fóssil são entalhados a mão e pintados com óleo e ouro em peças de madrepérola bruta. A proeza artística é do pintor filipino Gregory Raymond Halili, conhecido pelo seu delicado trabalho com aquarela – sua nova investida revela um artista inventivo, audacioso e extremamente detalhista. Para ver mais do processo criativo do artista, basta assistir ao vídeo abaixo.

cv2
Continue Reading

A arte transcendental de Jon Jacobsen

jj1

jj2

Se você é um daqueles ratos de web que passa horas vagando pelo Tumblr, Flickr, Behance e afins, certamente já esbarrou com o fabuloso trabalho do artista autodidata chileno Jon Jacobsen. Ele começou a criar auto-retratos conceituais aos quinze anos em sua cidade natal, Quintero, Chile e desde então vem aprofundando sua técnica e expandindo as possibilidades de sua arte. Sua obra hoje contém gráficos e imagens narrativas que utilizam de simbolismo e principalmente do surreal, arriscando também em editoriais de moda e fotografia de arte.
A obra de Jacobsen foi apresentada com destaque em sua terra natal, tanto em exposições e publicações. Seu projeto “La voz del puerto” apresentou seu uso de design e fotografia digital para criar resultados únicos, e foi selecionado para a V Bienal de Design, em Santiago no Chile.

jj7
Continue Reading

O erotismo pop nos desenhos de Van Arno

9_DSC_8594

camilleHI

O artista americano é uma combinação de referências. Desde sua origem no Missouri até seu passado de leão-de-chácara no Club Lingerie em Hollywood, emprego que pagava seus estudos na Otis-Parsons School of Design em LA. Essa mistura de ponta a ponta dos Estados Unidos gerou o verdadeiro pastiche e rende obras cheias de provocação e sexualização em corpos torneados e traços pop.

A obra de Van Arno traz trabalhos carregados de erotismo e referências animais, com incontáveis parcerias com a indústria musical. Se fosse possível separar os ingredientes por trás de Arno, com certeza apareceria muito de ilustração, comics americanos, heintais japoneses e um vasto background de história da arte. Ou seja, quase um filme erótico do Tarantino comprimido e passado para impressoras de HQs. [NSFW]

fates-downturnSM
Continue Reading

Esculturas tridimensionais e psicodélicas de Jen Stark

cola1

cola2

Com um trabalho meticuloso, o artista americano da Flórida Jen Stark, recorta e molda milhares de folhas de papel para criar suas bela esculturas tridimensionais. Influenciado por coisas como buracos negros e conceitos da física – constrói um trabalho notável dentro da arte contemporânea baseado na replicação e no infinito.

cola3
Continue Reading

Fotografando sonhos, um projeto de JeeYoung Lee

lee1

A fotógrafa coreana JeeYoung Lee dedica sua vida a retratar o invisível. Isso mesmo, em um pequeno estúdio – uma sala que não chega a ter 10m², Lee monta sets incríveis e fotografa a si mesma nas mais loucas situações. No pequeno estúdio fotográfico improvisado, ela faz pinturas fantásticas nas paredes, usa móveis diferentes e decoração feita com todo tipo de material e materializa seus anseios mais pessoais, seus medos e desejos sem pudor. Resultado: imagens belíssimas.

lee2

As fotografias são totalmente transformadoras e não possuem qualquer interferência ou retoque digital. Para tanto, ela se dedica (as vezes durante meses) a preparação de cada detalhe do cenário, para depois se incluir na cena. A fotografia, por vezes delicada e outras monstruosa, nos mostra seus anseios artísticos e é um excelente exemplo do surrealismo na fotografia, em contra mão à fotografia convencional.

Lee é formada pela Universidade Hongik, em Seul, Coréia, onde nasceu e aprendeu a fotografar muito cedo. Já é mundialmente reconhecida e ganhadora de prêmios fotográficos. Segundo ela, sua arte fotográfica nasce da sua necessidade de se expressar e se contestar a cada momento.

lee3
Continue Reading