Intervenções nas capas da Vogue por Andrea Mary Marshall

Andrea Mary Marshall

Artista nova-iorquina Andrea Marshall cria intervenções nas capas da revista Vogue, pintando sobre as modelos roupas, maquiagem, perucas e adereços, e trocando o nome da revista por “Vague“, de vago, vazio, sem conteúdo. Usando de iconografia religiosa, figuras da arte, sexualidade, moda e fetichismo, a artista explora a intersecção de identidade, sexualidade feminina e cultura de consumo no contexto da “mulher ideal”, nos retratos de suas pinturas.

Andrea Mary Marshall

Andrea Mary Marshall

Andrea Mary Marshall

Continue Reading

Editorial pop de jóias com massa de modelar por Alexandra Bruel

alexandra-bruel-vogue-pop-art-jewelry-chicquero-banana-1

alexandra-bruel-vogue-pop-art-jewelry-chicquero-banana-3

alexandra-bruel-vogue-pop-art-jewelry-chicquero-banana-2

alexandra-bruel-vogue-pop-art-jewelry-chicquero-banana-4

Alexandra Bruel é uma diretora de arte e ilustradora francesa. Convidada pela Vogue britânica para criar um editorial de jóias inspirada na Pop Art, ela usa referências das obras de Andy Warhol e Roy Lichtenstein criando coloridos cenários com massa de modelar.

Alexandra começou a trabalhar com plasticina, há alguns anos, durante a licenciatura no curso de Design Gráfico na Escola Gobelins em Paris, e logo construiu um portfólio impressionante que vem sido usado em conjunto com animação, design têxtil, fotografia, escultura e ilustração.

Continue Reading

Part Noveau – A moda e suas referências

Horst-P-Horst-and-Norman-Jean-Roy

Irving-Penn-and-Sean+Seng-

Edouard-Manet-and-Inez-Vinoodh

René-Gruau-and-Koto-Bolofo

Já dizia Lavoisier, que “na natureza, nada se cria, nada se perde, tudo se transforma”, onde definitivamente, não estava falando de moda quando chegou a essa conclusão, mas a frase nunca caiu tão bem para o tema. Partindo dessa premissa, a historiadora da Moda Lilah Ramzi, criou o blog Part Noveau para ilustrar as referências no mundo da moda. Através da comparação de conteúdos da moda atuais com os que já foram publicados no passado, de editoriais, campanhas, capas de revistas, filmes, pinturas e etc. Alguns registros são releituras que foram feitos para homenagear, outros são apenas cópias descaradas. Lilah diz que o intuito do site é “reconhecer e dar crédito ao que veio antes”.

Continue Reading

MXTP BLCK PRTY – PT. II

blckpry

O final de semana chegou e com ele uma mixtape caprichada, depois do sucesso da nossa compilação em BLCK PRTY, resolvemos dar uma continuidade e ir um pouco mais a fundo nessa temática musical, BLCK PRTY PT. II é uma mixtape que explora um lado mais voltado para sonoridades emergentes como o Trap, Bass e até uma pitada do revival do vogue (pra quem acha que vogue é só a música da Madonna – ler aqui). Aperta o play, arrasta o sofá da sala e vem pra festa com a gente!

MXTP BLCK PRTY PT. II by Linusxx on Mixcloud

Face, walk, hands: Paris is Burning e a cena ballroom

vogue2

 

O mundo inteiro é um palco
E todos os homens e mulheres não passam de meros atores
Eles entram e saem de cena
E cada um no seu tempo representa diversos papéis

De representação à contratos, são várias as teorias que tentam explicar ou lançar uma luz sobre o porque o homem vive em sociedade. Sem acesso à dados mais antigos, cientistas sociais usam pequenas comunidades, tribos ou organizações e suas idiossincrasias para entender melhor os motivos que levam tais pessoas a se juntarem por um objetivo comum. Limites econômicos, geográficos, políticos e culturais são alguns desses fatores, e a partir do choque entre idéias, as concepções de cultura e contra-cultura são postas em jogo. Um filme dos anos 90, pouco conhecido mas bastante cultuado, registra o momento de ouro de uma forte expressão cultural que se tem como perdida, mas que na verdade encontra-se em pleno processo de revigoramento: Paris Is Burning e a cultura do ballroom.

Continue Reading

Dazed & Confused, MikeQ e voguing em Werk’d

FADE002-COVER-ART-LG - Cópia222

Em fevereiro, a conceituada revista Dazed & Confused deu uma festa para o lançamento de novos números de sua revista, e também para comemorar a London Fashion Week. Mas a palavra festa não faria jus: they threw a house ball. Se você ainda não acredita nas palavras do MikeQ, ou sequer sabe quem ele é ou o que representa na música hoje em dia (no shade intended), o BLCKDMNDS reforça: o Vogue nunca acabou! Com instalações do artista Matthew Stone e apresentação da Brooke Candy, pista e passarela foram preenchidas com figuras da nova cena do vogue, incluído aí o DJ MikeQ, responsável por reanimar a cena do voguing em NY, já tendo levado seu set de house, vogue e R&B inclusive aos terraços do MoMa. Recentemente, a Dazed liberou um curto, mas ótimo vídeo do Matthew Stone, usando footage da festa para explorar o imaginário das ballrooms, ao som da enérgica faixa Werk’d, colaboração do MikeQ com o Dj Sliink.

MIXTAPE ZÉ DA BALA

bala

Aqui no BLCKDMNDS nenhuma sexta-feira passa em branco, e voltamos com uma incrível mixtape do nosso colaborador Eduardo Pininga. Se você acha que Mykki Blanco, Brooke Candy e Azealia Banks são a cereja do bolo da música atualmente, vem dar uma conferida nos nomes que fazem parte da seleção! Trap, Vogue, Baltimore Club e UK House: gêneros ainda pouco conhecidos, mas que já são obrigatórios na cena underground por aí a fora, de Brixton ao Brooklyn, de Paris ao Rio de Janeiro. Eduardo toca em SP em festas como a Muscles Cavern e Carlos Capslock, e atualmente tem um projeto com o artista plastico Rafa Dejota chamado Mothermoth, explorando a atual produção musical de hip-hop e house. It’s WWW music for live action!

ZÉ DA BALA by 5dollar$Hoe5 on Mixcloud